Prefeitura intensifica ações na área da saúde

Data:

Apesar da desigualdade entre demanda e recursos públicos, especialmente no âmbito dos municípios, a Prefeitura de Ibititá tem intensificado as ações na área da Saúde nos quatro cantos da cidade. Por determinação do prefeito Cafu Barreto, a Secretaria Municipal de Saúde ampliou o trabalho preventivo, humanizou o atendimento, facilitou a marcação de exames e a realização de cirurgias e deu prioridade total ao Programa de Saúde da Família. Segundo a secretária Stefani Amaral, apenas no mês de março, foram realizados mais de 1000 exames, entre ecocardiograma, ultrassonografias, teste ergométrico, campo visual, endoscopia digestiva, punção da mama, dentre outros. Também foram realizadas mais de 580 consultas com especialistas, além de 68 cirurgias, como por exemplo, histerectomia total, laparoscopia, laqueadura, hernioplastia, fimose, retirada de corpos estranhos, drenagem em abcesso e etc.

Neste mesmo período, a Vigilância Epidemiológica fez mais de 3000 visitas no combate ao mosquito Aedes aegypti, com mais de 800 imóveis tratados. Em relação à Leishmaniose, foram 605 visitas, com 162 coletas de material citopatológico. Além de 242 visitas para investigar a Doença de Chagas e aplicação de 180 vacinas contra a Raiva. Em março deste ano, mais de 250 usuários foram atendimentos pelo Tratamento Fora de Domicílio (TFD): foram mais de 30 viagens só para a capital baiana - seja com carro, micro-ônibus ou com distribuição de passagem - e mais de 120 consultas com diversos especialistas.

Objetivo é alcançar nível de excelência

Tudo isso e mais 120 atendimentos com Fisioterapeuta, Psicóloga, Fonoaudióloga e Nutricionista no Centro de Especialidades Médicas de Ibititá (CEMMI) e mais de 30 atendimentos de ocorrências pela Base do SAMU, sendo que as mais graves foram encaminhadas para o Hospital Regional de Irecê. É importante destacar as atividades desenvolvidas pelo Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), que inclui visitas domiciliares, testes, orientações e palestras ministradas por Assistente Social, Enfermeira e Fisioterapeuta. E também o trabalho diário das Unidades de Saúde da sede e zona rural, com realização de consultas médicas e odontológicas, distribuição de medicamentos, atendimentos e realização de procedimentos como pré-natal, retirada de pontos, preventivos, administração de medicamento injetável, dentre outros.

“A Saúde é um problema crítico em todo o Brasil. Graças a Deus e ao comprometimento de uma equipe competente, muito tem sido feito para melhorar a qualidade de vida do povo de Ibititá. Mas, temos convicção de que é preciso muito mais para alcançar o nível de excelência. Essa é a nossa meta, esse é o nosso compromisso”, observou Cafu Barreto.

Prefeitura de Ibititá – Cidade Para Todos.